sexta-feira, 3 de novembro de 2006

Ah pois é

Podemos não ser responsáveis pelo que nos acontece,
mas somos sempre responsáveis pelo que fazemos acontecer.