quarta-feira, 12 de setembro de 2007

Filho Pródigo a Casa Retorna

Realmente não sou normal...

Escrevo quando estou feliz. Estou feliz.

Depois de meses de incertezas provocadas e provocadoras, bem como provocantes, sinto-me de novo a direccionar-me.

Um pouco mais velho, um pouco mais sábio.

Aprendi regras de ouro da vida. Que o pouco que temos pode ser sempre menos. Que aquilo que tememos volta sempre para nos assustar. Que aquilo que é importante para nós está sempre connosco.

Não vos quero chatear com trivialidades, mas queria que lessem isto porque a língua tem muita piada. A escrita e a de carne e osso. Serve para montes de coisas.

http://porta1175.blogspot.com/2007/05/gai-not-gay.html