sábado, 26 de abril de 2008

Universidade ou outra opção?

Não entrei para a Faculdade. Soube mesmo agora. "Para além de me candidatar à 2ªFase, o que vou fazer?"
Para me acalmar, fui mexer nos recortes de revistas que abundam no meu quarto. Surgiu a ideia de me dedicar ao mundo do espectáculo, ser uma nova Adelaide de Sousa: cheia de alegria e dinamismo que apresenta o seu Jet7 com grande poder de representação, pelo menos, na parte que entra a Dolly. Ou seguir os passos da bonita Lúcia Moniz: cantar raramente, por só existir tempo para as telenovelas.
Gostava de enveredar pela arte, mas onde me hei-de dirigir? Quem nos pode aconselhar a escolher este ou aquele curso? Onde nos indicam as várias escolas e as novidades no campo artístico? Como é que tenho acesso aos workshops que poucas vezes são divulgados a nível geral?
Bem, teremos de ser nós a arriscar e sair queimados, porém não podemos desistir e temos que arriscar de novo para chegarmos onde queremos, muitas vezes, sendo cobaias de vigarices.
Uma pessoa que admiro bastante é Bárbara Guimarães. Isto não é propriamente o Suprise Show, mas adorava estar perto desta magnífica mulher do signo Touro, como eu, que esteve ligada à moda, mundo que aprecio, e ao jornalismo, meio ao qual desejo pertencer futuramente.
O factor sorte deve, como é natural, ter marcado o seu percurso, porém as qualidades pessoais também não lhe faltaram, pois só assim se justifica o vasto leque de experiências profissionais. Mas afinal como é que tudo surgiu?
Se calhar começou naquele dia decisivo!? "Entraste ou não?"

Ana Filipa Silva - 1998